Recanto do Chagoso

Prosa e Poesia

Áudios


Um tal de Zé Sabino (Pantum)
Esse tal do Zé Sabino
Que de tudo entendia
Sem  ter tido nem ensino
Assim me falou um dia

Que de tudo entendia
Da ordem, do desatino...
Assim me falou um dia
"Cada qual com seu destino"

Da ordem, do desatino...
Cuidasse do que servia
"Cada qual com seu destino"
Na quota que lhe cabia...

Cuidasse do que servia
Mulher, homem ou menino
Na quota que lhe cabia...
Esse tal do Zé Sabino

Chagoso Jan/2014
----------------------------------------------------------------
Homenagem à meu saudoso pai, em forma de Pantum
----------------------------------------------------------------
---------------------------------------------------------------------------------
Com as carinhosas interações poéticas de oklima e taniameneses me permitiram montar mais um pantum:
---------------------------------------------------------------------------------

Como sabia o sabino!
Como entendia de tudo!
Foi doutor de seu destino,
Só no tino sem estudo.

Como entendia de tudo!
Foi doutor desde menino.
Só no tino sem estudo.
Dotado de dom divino.

Foi doutor desde menino.
Gostava de poesia...
Dotado de dom divino.
Que de tudo entendia.

Gostava de poesia...
Inteligente menino.
Que de tudo entendia.
Como sabia o sabino!

oklima, taniameneses e chagoso Jan/2014

-----------------------------------------------------------------------
Para os curiosos e amantes do Pantum, aqui vai o endereço de uma planilha-matriz que criei no Google DOCS. Fiquem à vontade para alterar e produzir seu próprio pantum...

<https://docs.google.com/spreadsheet/ccc?key=0AgSNzGJ2zcjhdGw0RTRNR0REOFdRLWF0bWx1Z2ZPd2c&usp=sharing>
Enviado por Chico Chagoso em 09/01/2014




Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras