Recanto do Chagoso

Prosa e Poesia

Textos

Suor e Sono
O suor e o sono
são meus companheiros.
O pensamento, não.
Este foge, se esconde...
No sofá ou na cama,
Ao que chegar primeiro.

O sono e o suor
Estão sempre comigo.
Nas noites a fio.
Uma cochilada minha
e uma recuada do sono:
Foi o acordo silencioso.
Com o suor não fiz acordo.
O suor não faz acordos.
Não importando se estou ou não acordado,
Nunca estaremos "acordados".

O suor e o sono se complementam pois
Suar é Sorrir, é chorar... ou quase.
Mas se complementam. Simbioticamente...
A obra inacabar-se-á, se não se fizerem presentes
Por obra de ambos
ou  de um deles
A ducha acalma um e outro.

Suor e sono não são parceiros,
Tão pouco antagonistas.
Nem meus, nem entre si.
O sono nunca me fez suar.
O suor nunca me deu sono.
Ainda assim e apesar disso,
Despertam em mim um ao outro.

A fisiologia que ambos clamam,
Acalmam meu meu corpo, minha mente.
E assim os pensamentos, em rebanho
Retornam e, lentamente os trazem,
suor e sono, novamente.

26/12/2007

--------------------------------------------------------------
Interação de Jacó Filho. Grato, poeta.

No sono posso sonhar
Amando de preferência.
Só nessa coincidência,
É que adoro suar...
Chico Chagoso e Jacó Filho
Enviado por Chico Chagoso em 25/02/2021
Alterado em 01/03/2021


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras