Recanto do Chagoso

Prosa e Poesia

Textos


Considerações sobre Indrisos
Teoria Literária

Definição, Gênese e Criador
Indriso é uma modalidade de poemas minimalistas criado em 2001 em Madri. Seu criador, Isidro Iturat, nascido em Villanueva e la Geltrú, em 1973, veio para o Brasil em 2005 e reside em Belo Horizonte, onde é professor e tradutor. Basicamente o indriso compõe-se de dois tercetos e dois monósticos (3-3-1-1), como se fosse uma miniatura do soneto,(4-4-3-3), conforme seu próprio criador. Não há exigência de rimas, ritmo ou métrica. O nome surgiu quando o autor observou uma criança de três anos falando "indriso" quando tentava pronuciar  "Isidro", seu nome. 

Estrutura (concepção original)

 
Título (Não obrigatório)
[Linha em branco]
Terceto
[Linha em branco]
Terceto
[Linha em branco]
Monóstico
[Linha em branco]
Monóstico

Métrica
Não exigida.
Entretanto, redondilha maior cai muito bem.¹

Rima
Não exigida
Entretanto rima não faz mal a ninguém.¹

Ritmo:
Não há exigência mas havendo uma métrica, cai muito bem. Anapesto+Peônio de 4ª fica muito bem com redondilha maior.¹

Mote 
Não há direcionamento: livre. Contudo, como em qualquer minimalista, melhor ser único.¹

Sugestão de desenvolvimento.¹

Verso I - Introdução
Verso II - Desenvolvimento/Argumentação
Verso III - Conclusão

Verso IV - Introdução
Verso V - Desenvolvimento/Argumentação
Verso VI - Conclusão

Verso VII - Preparação para o desfecho

Verso VIII - Desfecho.

Pontuação e Capitalização¹
Não há exigência. Este autor adota a praxe da prosa portuguesa: Ponto parágrafo, final, exclamação, interrogação, ponto e vírgula, etc, etc... Bem como Letras maiúsculas no início da cada frase.

Identação e Destaque¹
Livre. Este autor centraliza o título e destaca com negrito, quando possível; e alinha a esquerda o corpo do poema. Eventualmente em apresentações graficas, centraliza todo o poema. 

Variações na estrutura:
O indriso recebeu contribuições de outros poetas que o autor acolheu e intregrou à sua criação. São eles:
3-3-1-1 - Indriso (original) ou Indriso em Sístole 
1-1-3-3 - Indriso em  Diástole
3-1-3-1 - Indriso em Duas Sístoles
1-3-1-3 - Indriso em Duas Diástoles
3-1-1-3 - Indriso em Sístole Interna
1-3-3-1 - Indriso em Diástole Interna

Exemplos:
Morte no Avião - Chico Chagoso
Visível Dor - Chico Chagoso
Outros Indrisos - Chico Chagoso
Indrisos - Poetas Diversos do Recanto das Letras


Referências:

Ensaio Sobre o Indriso do próprio criador
Entrevista no Blog Verdades de um Ser
Entrevista na Revista Samizdat
Teoria Literária Indriso, no site de Kathleem Lessa
Artigo O que é Indriso, por Sandra L Stabile

 
2011-2020²

(¹) Considerações exclusivas do autor sem haver, necessariamente, corelatividade com as idéias do criador da modalidade.

(²) Esta Teoria Literária foi recebendo acréscimos de 2011 a 2020, tempo em que permaneceu como referência, mas em rascunho do RL.


Ilustração:
Fragmento esmaecido da foto de Isidro Iturat, no blog Verdades de um Ser
Chico Chagoso
Enviado por Chico Chagoso em 24/09/2021
Alterado em 24/09/2021


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras